HOME BLOG CONTATO INDIQUE ESTE SITE
 
Área:
CARO LEITOR | ver comentários |
Título: Minha melhor reportagem
Autor: Rodolfo C. Martino - publicado em 18/01/2002
 

"Elis revolucionou a maneira de interpretar. Mostrou uma força extraordinária e se agigantou no palco, apesar dos seus 1,53 de altura. Essa foi Elis Regina. Regina. Rainha. Maior cantora do Brasil" (Zé Armando, em Gazeta do Ipiranga em 19 de janeiro de 1982)

01. Quase 28 anos de profissão e sou obrigado a lhe confiar um segredo. Minha melhor reportagem não foi publicada. Pois é. Não sei onde anda, menos ainda que fim levou. Como assim? Vou lhe explicar tintim por tintim.

02. Trata-se de uma entrevista exclusiva que realizei com Elis Regina nos camarins do Teatro Tupi em 1978. Eu e o amigo Clóvis Naconecy, recém-saídos da USP, tínhamos a idéia de escrever uma enciclopédia sobre a música popular brasileira e, nessa toada, catalogamos centenas de nomes de cantores e compositores que seriam ouvidos por nós. Fraternalmente dividimos a longa lista em duas partes -- a que me coube começava justamente pela cantora gaúcha Elis Regina de Carvalho Costa, codinome Pimentinha por seu jeito contundente de tratar circunstanciais desafetos e antipatias.

03. Munido de um gravador daqueles antigos, do tamanho de caixa de sapato, rumei para a avenida Luiz Antônio, com cara, coragem e manancial de 20 perguntas. Na inquietude dos meus 27 anos, queria que Elis falasse sobre tudo, de Ernesto Nazareth a Roberto Carlos, passando por Pixinguinha, Elizeth Cardoso, Beatles e os novos autores que acabara de lançar, Belchior e João Bosco. Afinal, imaginava que solenemente estávamos escrevendo a própria história da MPB.

04. Elis estava em cartaz com o show "Transversal do Tempo" e, mais uma vez, era sucesso de público e crítica. Chegava por volta das 17h30/18h ao teatro para preparar-se para o espetáculo. Ficava sozinha no camarim. Naquela sexta-feira, chegaria um pouco mais cedo para a entrevista. E assim foi...

05. A mulher que encontrei no teatro foi de uma surpreendente simplicidade. Mostrou-se interessada no projeto e feliz por ser uma das primeiras a ser ouvida. Respondeu objetivamente a todas as perguntas. Sempre com muita convicção. Músicos são os rapazes do Zimbo Trio, ironizou os grupos de rock da Jovem Guarda. Jair Rodrigues é melhor cantor do Brasil. Deveria ter o sucesso do Roberto Carlos. Só não tem porque somos um povo preconceituoso -- enfatizou sem deixar de sorrir. Fazemos a melhor música do mundo. Só que as rádios "esquecem" de tocar -- disse comentando os acertos entre gravadoras e emissoras de rádio.

06. A entrevista prolongou-se por horas. Quando deixava o camarim, notei que já era noite e a camareira preparava a roupa com que Elis, nossa melhor cantora, entraria em cena. Dias depois, bateu uma dessas preguiças estúpidas, então pedi ao Clóvis que "passasse" a fita para depois fazermos o texto final. O projeto da enciclopédia perdeu-se nas obrigações diárias. E, com o tempo, perdi a fita e o amigo de vista... E lá se foi a melhor reportagem deste escriba trapalhão...

07. Amanhã, 19 de janeiro, reverencia-se 20 anos da morte de Elis. Um tempo e tanto. Uma perda inestimável para a MPB. Todos os anos, sempre que se fala de Elis, não há como não lembrar dessa história... E penso que acontece o mesmo com outro amigo (que a vida me tornou distante), o Rui Conde, que foi comigo e, de pé num canto do camarim, assistiu a entrevista com os olhos de quem vê uma estrela de rara e infinita beleza.

[Texto também foi publicado no livro “Volteios - Crônicas, lembranças e devaneios"]

 
 
COMENTÁRIOS | cadastrar comentário |
 
Autor: Julyana Voltareli Rosa Data: 23/10/2006
Ah...você ainda teve a chance de ver a Elis...de conversar com ela...
Quisera eu ter assistido ao menos um show. Mesmo hoje, se ainda estivesse viva eu iria. Adoro Elis. Você tem sorte.
A primeira música dela que eu aprendi é uma que minha mãe canta p/mim desde pequena, "Bicho do Mato". Sei que ela só gravou e que foi escrita pelo Jorge Ben.
 
 
© 2003 .. 2017 - Rodolfo Martino - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Sicca Soluções.
Auto-biografia
 
 
 
BUSCA PELO SITE