Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

Filhos das estrelas

Foto: Jheison Huerta

 

Lembram o verso de Drummond, o poeta?

“Por vezes, a vida precisa de uma pausa.”

Pois é…

Já o citei aqui enê vezes como inspiração para crônicas outras.

Natural, não?

Nunca é demais.

Há dias que são mais assim que outros.

A gente olha ao derredor e, sinceramente, nada vê. Nada em que definitivamente acreditar, nada que dê sentido ao passo que faz o caminho.

“Mermão” – diria o amigo Marceleza, arrastando no carioquês madraque – “deixe que a saudade trouxa bata nesse peito errante e mude a direção”.

– Se não deu por aqui, vamos por ali, compadre. Que sempre vale a pena. Use e abuse do verbo sonhar.

Bom reverenciar poetas e amigos (mesmo os que estão distantes, como o Marceleza).

Melhor ainda é, em um dia cinzento e pesado de notícias e vacilos racistas, encontrar a imagem feita pelo fotógrafo peruano Jheison Huerta que a Nasa selecionou como “a foto astronômica” do dia em 22 de outubro.

Que espetáculo!

Jheison captou a Via Láctea no salar (deserto de sal) de Uyuni, na Bolívia, com extensão plana de 130 quilômetros e que se torna ‘um espelho gigantesco durante as temporadas úmidas.”

“Quando vi a foto, senti uma emoção muito grande”, disse o fotógrafo à BBC News.

– A primeira coisa que veio à mente foi a conexão entre o homem e o universo. Somos todos filhos das estrelas.

Ele levou três anos para conseguir captar a Via Láctea em todo esplendor – e breves instantes para tal convicção.

Leia entrevista completa AQUI.

Entonces, vamos lá, amigos, vale acreditar!

Se num deserto de sal, o homem é capaz de tamanha poesia, é capaz da proeza de vislumbrar o infinito, decididamente somos mesmo “filhos das estrelas” e ainda temos muito que iluminar por aí…

 

*Aproveito a deixa pra lhes informar que o blogueiro estará de volta na terça. Pausa para dar um descanso a vocês que me acompanham, por as leituras em dia e olhar as montanhas da Serra da Bocaina. Agradeço a Jheison Huerta a cessão da foto, e minha total solidariedade aos irmãos bolivianos e todos os que lutam por uma sociedade justa e igualitária. Inté… 

signature
1 Response
  • clarice falasca
    13, novembro, 2019

    Esses últimos dias tem sido horríveis. Dias de estrelas “caídas”. Me resta a esperança da reconexão. Mãe Via Láctea estamos aqui.

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *