Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

Mariza em São Paulo

Uma trégua de puro encantamento em meio ao intenso temporal de tristezas da semana que passou. Assisti ao show de Mariza na quinta que passou, no Tom Brasil, em São Paulo. A cantora moçambicana (que ainda em criança foi morar em Lisboa e se apaixonou pelo fado) não fazia turnê no Brasil há quatro anos – e, de forma bem simpática, revelou-se surpresa com a lotação esgotada da Casa em uma noite chuvosa e fria.

Além de desfilar os grandes sucessos de sua carreira (“Chuva”, “Mundo”, “Melhor de Mim”, “Rosa Branca”, entre outros), a bela fez duas tocantes homenagens à música brasileira e aos dois intérpretes que tanto admira, Roberto Carlos e Elis Regina. Do repertório de cada um deles, pinçou as românticas “Como Vai Você” (Antônio Marcos/Mário Marcos) e Fascinação (tradução de Armando Louzada, para valsa de Fermo Dante Marchetti/Mauricie de Féraudy).

O ponto mais emocionante do espetáculo deu-se quando Mariza e os músicos descem do palco e ela circula em meio a plateia e, sem auxílio do microfone, se põe cantar clássicos da pungente canção portuguesa. “Para lhes dar uma pequena mostra de como se canta o fado em minha terra”.

No final de semana, Mariza deu sequencia às apresentações, com shows no Rio de Janeiro, Coritiba e Belo Horizonte. Se tivesse condições, juro que iria a uma desses espetáculos.

Tomara que Mariza não se demore tanto a retornar ao Brasil.

(Se bem que em 25 de junho, ela fará show em Ferreira de Alentejo, Portugal. Será que o semestre letivo já se encerrou nessa data?)

signature