Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

Pensata

Há quem se faça inesquecível sem se dar conta de que o é. Não fazem nada de propósito – nenhum gesto previamente calculado, nenhuma verdade absoluta, nada de discurso – para que a lembrança, lá nos prafrentemente, nos surpreenda nesta ou naquela situação, nos silêncios e sons.

São inesquecíveis – e pronto.

Não é nada, não é nada, mas dá uma sensação mágica lembrá-los vez em quando, quando em vez.

No voo do pássaro.

No ir-e-vir das ondas.

Nos desvãos da vida.

Na fresta de luz que nos aquece em dias frios.

Dias frios como a terça carregada que me carrega e induz a fugir do triste noticiário do dia nesta pensata de alma e pés quebrados.

Vagos devaneios para escapar aos tristes informes do dia.

Vagos devaneios para quem, como eu, ainda acredita e espera…

… Por uma boa nova.

signature